Jovem que inventou notícias falsas processado

domingo 25 julho 2059 69312 ações

Jovem que inventou notícias falsas processado

Rafael Moreira (ou Bispo do Porto, para os amigos) foi processado por difamação e atentado à pudez pública. As vítimas das "brincadeiras" foram os autores das queixas. Consideram-se prejudicadas por tais notícias e pedem um castigo severo ao prevaricador. Apesar de não pedirem qualquer indemnização monetária, exigem que o arguido seja amarrado a uma cruz (ao estilo de Jesus Cristo), apenas com uma coroa de espinhos na cabeça, uma cueca de fio dental e um terço ao pescoço, e que esteja sujeito a violentas chicotadas. Uma das vítimas, inclusive, já terá comprado todo o material necessário numa Sex Shop em Grijó. Caberá agora, ao juiz do Supremo Tribunal do Porto, decidir se o castigo proposto será, ou não, realizado.

loading Biewty
loading Biewty 3