Alcobacense espalha terror no norte de portugal

quinta 29 outubro 68545 ações

Vício de vídeo jogos leva jovem à loucura.

Na passada semana, o jovem alcobacense Rafael Mateus, terá telefonado aos seus colegas, André Marques, Bruno Sá e Tiago Pereira, numa tentativa de ter algum dinheiro para comprar moedas virtuais no jogo de telemóvel “City Builder”.
Face essa chamada, o jovem Rafael obteve diferentes resposta, como simples sim por parte de Bruno, uma contraproposta por parte de Tiago em que se ofereceu para pagar todo o valor pretendido, 50 euros e André Marques foi o cético do grupo que simplesmente disse : “Se queres dinheiro vai trabalhar malandrote, ele não cresce nas arvores, vai-te foder”.

Tudo indica que esta reação por parte de André foi a gota de água, fazendo com que Rafael fizesse uma viagem da sua terra até O. Azeméis para apanhar/raptar André.

Dizem as testemunhas que o raptor entrou pelo campo adentro, no seu Opel corsa BG, enquanto André estava a apanhar batatas, este foi metido dentro de um saco, e a partir desse momento mais ninguém o avistou.

Fomos falar com os outros intervenientes, Tiago disse à nossa repórter que já não se admira nada vindo do Rafael, enquanto Bruno disse que nunca esperava nada deste género.
Falámos também com os atletas de Rafael, os quais dizem que esta história não pode ser possível, porque o seu treinador recebe um bom salário, e os seus gastos são gasolina para o carro, comida, video-jogos e ir as putas( se bem que estas não são caras face a crise, 5 euros chega para um buquete)

Fomos ao encontro da ex-namorada do raptor, afirmando esta que ele tem uma cara de rufia, mafioso e é mal educado, diz que quando estavam juntos, ele nunca lhe comprou nada.

Para finalizar a nossa reportagem, estivemos a conversa com a gerente da loja Sport Zone, onde André trabalha, a qual nos disse que vai pedir 2 euros ao Rafael, por cada dia que André não vier trabalhar, pois este é o montante de vendas por parte do seu funcionário.

A saída da loja fomos abordados pelos seguranças que nos perguntaram quando é que André voltaria, pois é a ele que pedem para ir fumar, dizem que já estão a ficar traçados, sentem falta do cigarrito.


recomendado