Líder do MAL vigia vizinhos desde criança

Este é um site satírico. Não o tome seriamente. É uma piada.

quinta 09 dezembro 2059 36919 ações

Margarida Pessoa, candidata à Câmara Municipal da Amadora, cuja bandeira temática da sua campanha eleitoral é a revogação do sistema de vídeo vigilância, tem comportamentos voyeuristas. Residentes do prédio onde vive na Rua do Vigia, em Lisboa, afirmam que a líder do MAL tende a actuar "de modo obsessivo". "Por diversas vezes foi apanhada a vigiar, atrás das cortinas com binóculos e, mais sofisticadamente, com um sistema de drones com câmara, os homens do prédio", partilha um vizinha incomodada. "Ela vigia permanentemente o meu marido, que tem mais de 1,90m", acrescenta.
Este ímpeto para vigiar já a acompanha desde a infância. "Desde que assistiu ao "Rear Window" ("Janela Indiscreta") de Hitchcock e leu "1984", de George Orwell, pensa que é L .B. Jeffries ou o "Grande Irmão", partilha a sua ex-ama. A partir dos 4 anos, Margarida Pessoa começou a pedir ao Pai Natal instrumentos de vigilância e de observação, como binóculos, telescópios, câmaras de filmar, máquinas fotográficas. "Desde muito pequena que espreitava os vizinhos pelo óculo da porta para desgosto dos pais, um casal muito recatado", remata a ex-ama.

Este é um site satírico. Não o tome seriamente. É uma piada.

loading Biewty