Rubina Leal afasta Miguel Albuquerque da presidência do PSD-M se ganhar a CMF

quinta 01 outubro 33238 ações

Rubina Leal afasta Miguel Albuquerque da presidência do PSD-M se ganhar a CMF

Fonte bem colocada no seio do Partido Social Democrata da Madeira garante que Rubina Leal, actual Secretária Regional da Inclusão e Assuntos Sociais e candidata à presidência da Câmara Municipal do Funchal, está a distribuir os seus peões nos TSDs para, em caso de vitória nas autárquicas no Funchal, afastar o presidente do Governo Regional e do PSD-M Miguel Albuquerque daquele partido.

O jantar feminista da próxima sexta feira, dia 30 de Junho, no restaurante A Parreira, é a primeira reunião do núcleo duro que pretende tomar conta do PSD-M e iniciar uma nova era. A estratégia passa pelo corte radical e definitivo com o passado do PSD Madeira que, segundo a candidata, não permite o seu partido crescer junto do eleitorado madeirense. Para tal, Rubina Leal está no terreno com uma equipa a instruir diversos processos de expulsão aos militantes mais antigos, com provas oriundas de comentários publicados no Facebook e por testemunhas de conversas ou acções menos abonatórias para com o PSD-M. Rubina Leal conta eliminar de vez estes militantes, o mais tardar um ano antes das regionais, com a finalidade de sinalizar junto do eleitorado os responsáveis pelos maus resultados do PSD-M. Rubina Leal pretende um partido limpo e credível para o desafio das regionais de 2019,onde pretende se candidatar a presidente do GR.

As mesmas fontes deram conta que Rubina Leal tem em mente grandes transformações naquele partido como a entrega da sede principal do Funchal à Fundação Social Democrata, bem como todas as existentes, arrendando uma única na Rua da Alfândega, por forma a dimensionar o PSD-M aos seus rendimentos, limpar de vez com o passado e amealhar fundos para a campanha das regionais de 2019.


recomendado