Apanhado o predador da Gulbenkian e do Kinaxixi

Este é um site satírico. Não o tome seriamente. É uma piada.

2059 21898 ações

Chegou ontem ao fim uma verdadeira caça ao homem internacional que já durava há 5 anos. Numa operação conjunta da DNIC e da PJ de Portugal, foi ontem detido em Luanda um homem na casa dos 30 anos sendo suspeito da prática dos crimes de estupro, atentado violento ao pudor e exibicionismo. O meliante já havia sido avistado em várias partes da cidade de Luanda mas, só ontem, graças a uma denúncia anónima de um cidadão que se apresentou com o nome Júlio Verne, é que foi possível capturar Emanuel Silva, conhecido em Lisboa como o "Predador da Gulbenkian". Tudo se passou pelas 14h30, hora de Luanda, quando o denunciador ligou para a DNIC referindo que tinha ouvido vários gritos de mulher junto à pequena floresta do Kinaxixi. De imediato uma brigada da DNIC deslocou-se ao local e, em tempo, apanhou o meliante, literalmente, com as calças na mão a violentar uma zungueira indefesa. Foi possível, quase de imediato, identificar o prevaricador como sendo o "Predador da Gulbenkian" graças ao retrato robot enviado pela PJ de Portugal e, sobretudo, às semelhanças do criminoso com o actor da série infantil K.C. Agente Secreta, Kamil McFadden. Entretanto, logo após as primeiras notícias da detenção deste predador, foram recebidas pela DNIC mais de 200 denúncias de vítimas do Manú - como gostava de ser chamado pelos seus amigos. Renata Valente, nome fictício de uma das vítimas, envolta em lágrimas, disse ao nosso repórter: Posso agora finalmente dormir descansada, ainda não me saíram da cabeça as palavras dele enquanto me violentava - Sou melhor que o Ruby, uhuhu, o Ruby a falar e eu a pinar!!
Também em declarações à porta da DNIC, José Guerreiro, advogado de Manú e especialista em crimes de natureza sexual, referiu que, perante as evidências, a defesa de Manú vai assentar numa confissão total dos factos a fim de beneficiar de uma redução automática da pena. Sabemos também que, entre a vítimas há pelo menos três travestis e, em Lisboa, 1 pombo. Emanuel Silva, um nome que, tão cedo não vamos esquecer é considerado já como um dos maiores predadores sexuais da história.

Este é um site satírico. Não o tome seriamente. É uma piada.

loading Biewty